Pesquisar este blog

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Ode à alegria.

Resultado de imagem para imagem de carnavalO carnaval é o momento em que se celebra a alegria na sua expressão mais literal. Durante quatro dias as pessoas esquecem todos  os seus males, os seus problemas e vão para as ruas festejar. Não importa a falta de dinheiro, o desemprego, o coração partido, a saúde que não anda muito boa e, em muitos casos, até a fé professada ao longo do ano. Tudo isso é deixado de lado. A vida se transforma em pura celebração.

Nada melhor, não é mesmo? Afinal de contas, a vida é tão dura, nos é cobrado tanto que é bastante oportuno esse período de relaxamento para que se possa extravasar um pouco aquela alegria que fica quase sempre reprimida diante de tantas responsabilidades que  nos é imposta.  

Portanto, é hora de vestir a fantasia seja ela qual for e sair sambando na avenida, rua, praça, salão ou onde quer que você esteja. E vale tudo: criticar o governo e os políticos, vestir-se de homem ou de mulher, colegial, policial, bombeiro, médico, pintar a cara ou ir de cara lavada mesmo. O importante é não perder o bonde da alegria que, como os quatro dias, passa muito rápido.

Só não se pode esquecer de que como tudo a alegria também embriaga e faz-nos perder o controle de nossas ações. É aí que mora o perigo. Depois, tem a quarta-feira que chega para nos lembrar que nada é eterno, muito menos a folia. Acaso deixou-se embriagar pela alegria e passou dos limites, tem que encarar. Agora, sem a fantasia.

Por isso é preciso, mais que nunca, juízo. Pule, brinque, aproveite o máximo que puder, mas com bom senso e responsabilidade. Não somente com você, mas com todos aqueles que estão à sua volta.


Feliz carnaval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário