Pesquisar este blog

domingo, 13 de setembro de 2015

"Levanta-te e anda".

Resultado de imagem para imagem de levanta-te e andaTememos tanto o sofrimento que ele acaba chegando. Muitos acreditam que ele é próprio de nossa condição humana. Uma vez nascidos nesse mundo de dor e padecimentos, temos que estar sempre preparados para enfrentá-lo. É assim que a maioria de nós é educada, fruto de milênios de crenças erradas. Principalmente, nessa ideia de que nascemos para sofrer.
É bem verdade que não viemos ao mundo a passeio. Viermos  para crescer,  desenvolvermos espiritualmente, abandonarmos nossa condição de seres de pouca luz e nos ascendermos para, assim, nos aproximarmos cada vez mais do Criador que é Deus Pai.
Isso, porém, não significa que devamos viver nos arrastando, nos martirizando ou que o sofrimento é o único caminho que pode nos levar ao conhecimento. Pelo contrário, devemos viver com alegria todos os dias e agradecer a chance que temos de, ao recebermos um corpo de carne para com ele atravessar uma vida na terra, de conhecer o poder infinito que temos dentro de nós.
Por isso, cada dificuldade que encontramos deve ser encarada como motivo de comemoração, de festa, de júbilo. Ao vencer cada barreira apresentada, subimos um degrau na nossa elevação espiritual e ficamos mais leves. 
Infelizmente, aqui na terra, temos o hábito de encarar tudo como se fosse castigo dos céus. Qualquer dor, qualquer desassossego são encarados como se Deus tivesse nos abandonado, esquecido de nós, quando na verdade é exatamente o contrário.
Diz o ditado que "Deus dá frio conforme o cobertor" e isso quer dizer que se nos é apresentada certa "conta" é porque temos condição de pagá-la. De outra forma, ela não nos seria apresentada. Para viver isso mais  claramente, basta deixar de lado nossa preguiça e acomodação.
"Levanta-te e anda." - disse o Senhor ao aleijado. A nossa situação não é diferente. Temos que ouvir a mesma ordem e levantarmos imediatamente para encarar o caminho que se abre à nossa frente.

Bom domingo.