Pesquisar este blog

domingo, 30 de outubro de 2016

Fica com Deus!

Resultado de imagem para imagem de despedida felizesEi, não é nada disso que você está pensando. Eu não estou me despedindo nem estou indo embora para sempre. Calma! Ainda pretendo ficar muito tempo por aqui. Você não vai ficar livre de mim assim tão fácil. O título desta postagem não significa uma despedida, apenas reproduz uma frase que as pessoas costumam usar nas despedidas..
Antes de qualquer coisa, devo dizer que trata-se de um hábito muito bom. É uma frase muito boa de se ouvir. Não se pode negar que não existe nada melhor do que ficar ou desejar que alguém fique na companhia de Deus, não é mesmo? Passa-se a impressão de que se deseja realmente que a pessoa fique bem e protegida. E isso a gente só deseja para alguém que se gosta de verdade, pois geralmente não desejamos a mesma coisa para, digamos, um inimigo. Embora... 
Bem, deixa isso pra lá. Voltemos à frase. Definitivamente, ela não é dita ao acaso. Ela, mesmo que pareça simples e descompromissada, tem um valor muito grande para quem a diz e, com certeza, muito maior para quem a ouve. Realmente, demonstra que nos preocupamos com a pessoa a quem a dirigimos e queremos que ela fique bem enquanto distante de nós.
Existem outras variações: Vai com Deus, Deus te acompanhe, Deus te guie e proteja, Deus esteja com você e muitas mais tão comuns nas despedidas e que são usadas até mesmo por aqueles que dizem que não acreditam em Deus. 
No entanto, infelizmente, nem todo mundo tem o costume de responder a elas da maneira mais correta. Muitos ao ouvi-las preferem dizer: Obrigado. Não acredito que essa seja a melhor maneira de agradecer a um desejo tão generoso. 
Alguém está desejando que você fique com Deus e retribuir com um "obrigado" talvez não seja certo. O certo seria usar da mesma generosidade, ou seja, desejar que a pessoa também fique com o mesmo Deus que ela está  te desejando. É o mais justo, não é? Quem oferece Deus deve receber Deus de volta.
Por isso, quando ouvir uma dessas frases, a resposta mais adequada é: Fique com Deus também, Deus te acompanhe também, Deus te guie e proteja igualmente, ou simplesmente diga que deseja o mesmo para a outra pessoa.. Isso mostra que queremos que o outro também receba as bençãos que nos deseja.
.Além do mais, Deus pode ser divido para todos sem que ninguém fique em desvantagem. Quando alguém desejar que você fique na companhia de Deus ou outra força superior, deseje o mesmo para a pessoa. E assim, com certeza, ficam todos protegidos..

Fica com  Deus!

Bom domingo.

domingo, 23 de outubro de 2016

"Quem avisa amigo é".

Resultado de imagem para imagens para quem avisa amigo é.Acho que todo mundo um dia na vida ouviu a seguinte recomendação: "Cuidado com essas pessoas que você está andando." Esse tipo de advertência geralmente é feita pelos pais, as mães em especial, e a gente sempre acha que é  exagero, excesso de zelo ou pura dificuldade deles de aceitar que você cresceu e que já pode muito bem escolher as suas próprias companhias. 
E assim o tempo passa e a vida segue. Lá pelas tantas, não sei quantas milhares de decepções depois, você para para refletir aquele conselho chato que você não suportava ouvir e descobre, tardiamente, que ele tinha mesmo alguma razão de ser. Seu pai, sia mãe ou quem quer que seja que tentou te abrir os olhos a respeito daquela ou daquelas pessoas estava coberto(a) de razão. Você não estaria passando por esse mau pedaço se tivesse dado ouvidos a eles.
Nesse momento, você descobre que existem pessoas com as quais a gente nunca devia ter se metido, que existem pessoas que tornam o nosso caminho mais difícil ou até nos afastam das verdadeiras aspirações, e por que não dizer, do nosso destino. E isso não vale apenas no que diz respeita às amizades. Vale para o amor, para a escolha da profissão, religião a seguir, enfim, para tudo na vida. Não devemos esquecer que a vida é feita de escolhas, uma vez que fazemos escolhas erradas é difícil ou quase impossível voltar atrás e desfazer. O jeito é conviver com as escolhas feitas e tentar acertar passo de onde você está para frente. .
É claro que não é fácil saber quando estamos fazendo escolhas certas ou erradas. Principalmente quando somos jovens e todos os caminhos parecem igualmente atraentes e estamos confusos. Somente o tempo pode nos dizer se nossas escolhas foram boas ou não.  O risco de acertar ou errar sempre existe;
Por isso, aqueles conselhos que antes pareciam absurdos se tornam preciosos e, não raro, botamos a mão na cabeça de dizemos: "Ah, por que não ouvi o que os meus pais me disseram? Eles tentaram me avisar e eu não dei ouvidos" Talvez seja tarde para lamentações, o que está feito está feito, não dá para voltar atrás. 
Porém, daqui para frente, você já tem experiência bastante para não cometer os mesmos erros de antes. Caso não tenha, que tal dar mais ouvidos aos conselhos daqueles que tentam te avisar que tem um buraco bem aí na sua frente e que você está prestes a cair nele. Quem avisa, amigo é, diz o ditado.

Bom domingo.

domingo, 16 de outubro de 2016

Por um mundo melhor.

Resultado de imagem para imagens de boas energiasNunca se falou tanto em energia como agora. Energia solar e energia elétrica talvez sejam as mais conhecidas, mas, com certeza, não são as mais usadas. Existe um tipo de energia que usamos com muito mais frequência que podemos imaginar e nem nos damos conta disso. 
É a nossa energia pessoal, aquela produzida pelas nossas palavras e pensamentos e que tanto pode afetar, positiva ou negativamente, a nossa vida como a vida de todas aquelas pessoas que nos rodeiam, dependendo da qualidade dos nossos pensamentos. Pensamentos bons produzem boas energia, pensamentos maus o seu equivalente.
É isso mesmo. A energia que sai de nós, a nossa "vibe" como muitos preferem dizer, é a responsável por tudo o que acontece ao nosso redor. As pessoas brigonas e mal humoradas vão, quase sempre, encontrar brigas e mau humor em seu caminho. Por sua vez, a s pessoas que estão sempre sorrindo atrairão para junto delas pessoas com o mesmo tipo de atitude.
Se você já ouviu alguém dizer que nós somos aquilo que pensamos e saiu de perto da pessoa acreditando que ela estava ficando maluca por dizer uma coisa dessas, trate logo de mudar o seu comportamento. Essa pessoa provavelmente era uma anjo tentando te acordar para a vida, tentando te tirar do sono da ignorância. 
Portanto, deixe de ser turrão ou turrona e aceita esse conselho precioso. Passe a ter pensamentos de amor, perdão, compaixão por aqueles que sofrem, agradeça tudo aquilo que você já tem e aquilo que ainda não tem, mas que sabe que vai ter um dia porque você é filho de Deus e como filho Dele você tem direito a tudo aquilo que necessita para viver bem e feliz.
Pare de reclamar do custo de vida, das pessoas à sua volta, do calor, do frio, da chuva, do sol, da falta de dinheiro, do emprego chato e mal remunerado que você tem, dos amigos, da pessoa amada, de seus pais, de seus filhos, do padre, do pastor, dos políticos, do aquecimento global e lembre de uma vez por todas que tudo isso é reflexo de seus pensamentos.
Está bem. Eu sei que você está aí fazendo muxoxo dizendo que isso é mesmo conversa de maluco. eu compreendo. Nossos padrões de pensamentos são muito arraigados, somos acostumamos desde cedo a pensar de um jeito e é difícil mudar de uma hora para outra. Isso é plenamente compreensível. Mas não custa tentar, não é? 
Vamos lá. Faz uma forcinha, não vai doer nada e no final você vai descobrir que não é não é impossível. Você pode, você consegue.  Além de estar se autoajudando, você ainda contribui para  que o mundo se torne um lugar melhor para se viver. 

Bom domingo. 

sábado, 15 de outubro de 2016

Fácil ou difícil?

Resultado de imagem para imagem de fácil ou difícilOutro dia, conversando com um a conhecida a respeito da aprendizagem da língua inglesa, ouvi dela o seguinte cometário:
- Ah, inglês é muito fácil.
Comentário frugal. Ela disse isso para expressar o seu espanto diante das dificuldades que encontrei para ter algum entendimento da língua de Shakespeare. Porém, isso ficou martelando na minha cabeça:
- Será que eu tenho alguma deficiência de aprendizado? Afinal de contas, eu levei uns bons anos aprendendo a dita língua e ainda de vez em quando me deparo com palavras que não faço a menor ideia de qual seja o significado.
Isso me fez pensar no que verdadeiramente é  fácil ou difícil. aí cheguei a conclusão de que o que é muito fácil para uma pessoa pode não ser para outra. Para alguém acostumado a andar, o ato de caminhar é simples, mas para alguém que sofreu um acidente ou tem uma deficiência a coisa muda, pois dar um passo pode significar muito esforço e dores terríveis.
Entenderam aonde eu quero chegar? Ninguém pode medir se uma coisa é fácil ou difícil partindo das suas próprias habilidades ou deficiências.  Principalmente quando isso significa diminuir o esforço da outra pessoa. A história está cheia de casos de pessoas que mudaram os rumos da humanidade através de seus inventos, ideias e descobertas, mas que eram consideradas inaptas para o aprendizado das coisas gerais e corriqueiras da vida.
Talvez esse seja o maior motivo do bulling nas escolas, no trabalho e na vida em geral. As pessoas esquecem que cada um tem o seu tempo. Uns levam mais tempo para aprender determinadas coisas e outros levam menos tempo. Simples assim.
No entanto, isso não pode ser motivo para taxar a pessoa de burra, retardada e outros adjetivos nada simpáticos que geralmente são usados por aí para desqualificar aqueles que demoram um pouco mais para aprender. Ou seja, fácil ou difícil é questão de ponto de vista. 
Além do mais, talvez para nossa sorte, somos dotados, de diferentes habilidades. Algumas pessoas têm habilidades para uma coisa e outras têm para outras. Somos diferentes e são essas diferenças que fazem o mundo ser tão diversificado como ele é. Já pensou no que seria se todos nós tivéssemos habilidades para jogar futebol? Seria muito estranho um mundo cheio de craques de futebol. Não teria graça nenhuma, não é?
Por isso, é tão importante que tenhamos talentos diferentes e que respeitemos o tempo de cada um. O aluno atrasado de hoje pode ser o cientista de amanhã e tem muito perna de pau que um belo dia acaba virando craque. Cada um tem o seu tempo.

Bom fim de semana.

domingo, 9 de outubro de 2016

Nunca perca a paciência.

Resultado de imagem para imagem de nunca perca a paciênciaO conselho mais sábio que alguém pode nos dar é aquele que nos manda ter calma e respirar fundo antes de responder qualquer tipo de provocação. Ele vai vale ouro e deve ser mesmo levado ao pé da letra. Respire fundo e tenha toda paciência do mundo. Isso vai te poupar de muitos aborrecimentos e te livrará de tomar uma atitude da qual venha a se arrepender depois.
Mesmo que xinguem a sua mãe, digam absurdos sobre a sua conduta. Não importa. É preciso ter calma e uma paciência do tamanho de um de elefante, Definitivamente, não aceite provocação. Elas vêm de todo lado. Às vezes, elas são explicitas e outras nem tanto. É preciso ficar atento para não perder a cabeça e aceitá-las  Isso é tudo o que desejam aqueles que vivem para provocar os outros. 
Eu sei que existe aquela máxima de que não se deve levar desaforo para casa. Esqueça isso. É por pensar assim que muitos conflitos nascem por motivos insignificantes.. Exatamente porque faltou um pouco de paciência e discernimento para não cair na tentação de querer resolver as coisas respondendo com a mesma moeda.
O que importa se alguém disse que a sua mãe é isso ou aquilo se você sabe que não é verdade? Muitas vezes, aquele que usa esse tipo de artifício nem sequer conhece a sua mãe e fala porque sabe que  todo mundo tem mãe e jamais admite ver seu nome ser denegrido. Ou seja, golpe certeiro. 
Por isso, a melhor saída nesses casos é simplesmente ignorar, fingir que não ouviu. Afinal de contas, você conhece ou não conhece a sua mãe? Ainda que ela seja tudo o que foi dito, é preciso lembrar que se trata apenas de uma provocação e ninguém tem autoridade para julgar ninguém.
É claro que existem outros assuntos que são trazidos à baila nesses momentos. A sexualidade é um dos preferidos, seguido da raça, cor de pele, idade, aparência física, local de origem. A lista é enorme. Portanto, é preciso ficar atento e lembrar que evitar brigas e fugir dos conflitos desnecessários é antes de qualquer coisa sinal de inteligência, bom senso e capacidade de autocontrole. 
Esses são os atributos que o homem moderno deve procurar desenvolver e aprimorar a cada dia. Deixe as brigas para os lutadores profissionais e mesmo esses brigam por dinheiro, medalhas, cinturões e fama.e eles treinam muito para isso. 
Também nós, os lutadores amadores, devemos treinar, mas para nunca entrar em combate, para nos mantermos longe dos ringues de batalha. Para isso, o treinamento deve ser intenso e contínuo. Não se esqueça que o prêmio é o autocontrole e a paz de espírito. A certeza de que os verdadeiros fortes são aqueles que não aceitam provocações.

Bom domingo.
Link da postagem no Youtube. Clique e acesse.
tKDcIMqsHm8

domingo, 2 de outubro de 2016

Medo do espelho.

Resultado de imagem para imagens de medo de espelhoDeus deve estar a ponto de enlouquecer com a humanidade. Em alguns casos, ele provavelmente não consegue reconhecer as suas criaturas, tantas são as mudanças que algumas delas fazem ao longo da vida. Nunca a frase "não se pode agradar a todos" foi tão verdadeira como agora. Afinal, não é exagero dizer que todo mundo num grau maior ou menor vive insatisfeito.
Até pouco tempo, essas insatisfações eram mais ligadas ao fato de se nascer pobre, feio, alto demais, baixo, gordo, magro demais, narigudo ou mesmo por questões raciais.
A mais conhecida insatisfação racial é a do cantor americano Michael Jackson que, dizem, fazia tratamento para ficar branco. Mas sabemos muito bem que muita gente, as mulheres em especial, passam tinta no cabelo para "parecer" louras ou alisam seus cabelos para disfarçar o fao de serem crespos.
É claro que isso sempre foi visto como algo perfeitamente natural e não poderia ser diferente. Vaidade não é nenhum defeito, principalmente se para satisfazê-la é exigido apenas pagar por ela. Assim, se pode diminuir um nariz, tirar uns quilos a mais e modelar o corpo ao seu bel prazer seja com ginásticas exaustivas, anabolizantes ou mesmo com delicadas intervenções cirúrgicas.
A questão é que isso vem ganhando ao longo dos anos conotações assustadoras. Parece que resolvemos abandonar a ideia de que fomos criados por Deus e resolvemos ser os nossos próprios criadores. Basta que alguém se sinta pouco a vontade com aquilo que recebeu ao nascer para que decida mudar sob a alegação de que dessa ou daquela forma vai ser mais feliz.
A pergunta que surge é: será que vale mesmo tudo em nome dessa tal felicidade? Sem dúvida nos tornamos escravos dessa busca pela felicidade. Felicidade essa que, no fim das contas, muitas vezes não passa de uma miragem, de fogo fátuo. A insatisfação está no nosso DNA. Assim que conseguimos mudar aquilo que nos incomodava, outro incômodo surge. Somos assim mesmo.
Talvez o ideal fosse que procurássemos nos aceitar como somos e não basear o nosso bem-estar e a nossa felicidade em esteriótipos  que apenas servem a uma indústria que não está preocupada de verdade com o bem-estar e nem com felicidade de ninguém, apenas com os lucros.
Se nascemos num determinado corpo, numa determinada raça ou sexo é porque isso tem algum significado. Nada disso é aleatório ou por acaso.  Tentar mudar isso guiando-se apenas por nossas insatisfações é temeroso, é fugir do espelho.

Bom  domingo.