Pesquisar este blog

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Os reencontros virtuais.

     Acredito que as redes sociais foram criadas com o objetivo de fazer com que as pessoas se interagissem mais e conquistassem milhões de amigos, além de reencontrar antigas relações.. Não é bem isso que acontece, embora muita gente jure que sim.
      Na verdade, não estou aqui para julgar a capacidade ou não das redes sociais de realmente transformar desconhecidos em amigos ou trazer para perto quem estava longe e se essas relações se tornam realmente verdadeiras. O que quero mesmo é falar sobre a possibilidade forte que elas proporcionam de se encontrar velhos conhecidos. Pessoas com  as quais convivemos no passado e que,. por um  motivo ou outro, perdemos o contato.
      Vez ou outra a gente dá de cara com conhecidos de quem não se ouvia falar há muito e se vê diante da possibilidade de voltar a ter contato com aquela pessoa, dar um alô, matar as saudades e ficar sabendo das novidades mesmo que sem ter contato físico.
      As redes sociais representam um bom canal para dizermos que estamos vivos, que estamos na luta e que, mesmo com a correria da vida, não esquecemos aqueles com os quais convivemos um dia. Basta um clique e temos aquela pessoa de volta para o nosso "convívio".
       Esse é o lado, digamos, bom das redes sociais. As distâncias deixam de existir e nada mais é empecilho para aqueles que querem (re) encontrar e serem (re) encontrados.
      No entanto, como sempre, tem  aquele lado desagradável, pelo menos na minha opinião, de quando a gente dá de cara com alguém que não se queria ver. Da mesma forma que uma simples fotografia nos remete às boas lembranças, também uma simples fotografia nos traz de volta coisas chatas que preferíamos não lembrar e que julgávamos esquecidas para sempre.
      Não sei se isso já aconteceu com algum de vocês de se deparem nas redes sociais com alguém que não se queria ver ou mesmo ouvir falar e também não sei qual o tipo de reação vocês tiveram. Comigo nunca tinha acontecido. Até que um dia desses recebi o convite de amizade de uma pessoa que me trouxe algumas lembranças nada agradáveis e estou tendo que pensar no assunto.
      Nunca imaginei que isso pudesse acontecer. Sempre vi apenas o lado bom das redes sociais: os grandes reencontros com velhos amigos e a descoberta de novos. Por isso, não julgava que poderia ficar nessa situação  por causa de um simples pedido de amizade.
     Ainda não decidi o que fazer. Posso aceitar ou posso simplesmente ignorar o pedido de amizade. Ainda não sei.  Mas isso me fez pensar que aceitar alguém como amigo virtual não é  apenas dar um clique, é trazer alguém para a sua vida. Ainda que virtualmente..

Nenhum comentário:

Postar um comentário